Exclusivismo


Essa palavra entrou na minha vida em uma avaliação espiritual, fiquei na ampulheta, o que quer dizer? Fui procurar no dicionário e a palavra se definiu da seguinte forma: desejo de ou tendência a excluir sistematicamente os outros. É quando eu me acho dona do outro ou permito que o outro seja meu dono.

Quando eu não sei o meu lugar, quem são superiores hierarquicamente a mim? Meus pais, professores, tutores, a esses abro o coração para aprender o que devo ou não copiar, pois são maiores do que eu. Sou arrogante, me acho o centro do mundo, a dona da verdade, ou a vítima, quando reclamo da mãe que me deu a vida? Por que me acho melhor que ela? Julgo, critico, me vitimizo? Como fazer diferente? Agradecendo a vida que veio dessa mãe (que é perfeita para mim, pois a natureza não erra), e com humildade fazer diferente.

Quem eu excluo ou desejo excluir da minha vida? Quem me incomoda?

Será que estou me olhando no espelho? O que tenho o privilégio de aprender com essa pessoa?

Me colocar, me posicionar, parar de repetir, pois faço igual e quando eu olho me vejo fazendo e isso me incomoda muito e por último quero que meu parceiro ou amigo seja como eu quero que ele seja, quero controlar, manipular, moldar, vampirizar?

Existe um plano muito Maior, que coloca em meu caminho as lições que preciso aprender, “Humildade e aceitar a vida como é” é aprender com os desafios cada dia mais se tornar um ser único ligado ao Amor, sem condicionamentos um amor incondicional.

Precisamos, todos nós aprender a conviver uns com os outros. Com paciência, respeito pelo espaço do outro e por ele. Aprender a se abrir para as oportunidades que a vida nos dá de eliminar arestas dentro de quaisquer convívios.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo