Morte - Transformação

Como bióloga, o tema morte, vem como uma parte da vida dos seres vivos, nascemos, crescemos, nos reproduzimos e morremos, essa e a linha natural dos seres vivos.


Essa morte e renovada e transformada em adubo, nutrientes, para uma outra vida que vai nascer.


Todos os seres vivos um dia, vão partir.


Na vivência espiritual, peço permissão para contar um pouquinho da minha história, a primeira vez que me deparei com a morte, foi aos 14 anos quando meu pai morreu.


Foi muito estranho ver aquela pessoa importante, querida, essencial na minha vida, a quem eu convivi, beijei, abracei ganhei muitos colos, de repente se torna inerte, sem vida.


Foi muito impactante. Qual foi o crescimento que essa dor me trouxe? Meu pai era padre antes de casar-se com a minha mãe, então me trouxe uma visão muito católica da morte, que é iremos todos ressuscitar em algum momento....